Logotipo da DonyRony

Válvulas de esfera de latão versus bronze: 9 principais diferenças

Válvula de esfera de latão

Como se comparam as válvulas de esfera de latão e bronze? Apesar de sua aparência semelhante, várias características diferenciam as válvulas de esfera de bronze das de latão. Essas diferenças e seu impacto nas aplicações das válvulas são destacados e explicados neste artigo, começando pela definição de válvula de esfera.

O que são válvulas de esfera?

Como o próprio nome sugere, as válvulas de esfera usam uma esfera giratória para regular ou controlar o fluxo de mídia. Uma abertura no meio da esfera permite que a mídia entre ou saia. Por outro lado, uma haste logo acima da esfera permite que você a gire, normalmente usando uma alavanca.
Atualmente, as válvulas de esfera são feitas de diferentes materiais. Entre eles, dois dos mais comuns são o latão e o bronze. Eles oferecem características diferentes; veja abaixo mais informações sobre válvulas de esfera de bronze e latão.

Válvulas de esfera de latão

As válvulas de esfera de latão são fabricadas com um liga de cobre (57% a 63%) e zinco (35% a 40%), o que lhes confere a cor amarela pálida ou dourada característica.

As válvulas de esfera e os acessórios de latão oferecem vários recursos, alguns dos quais podem ser uma vantagem. Por exemplo, você pode usá-lo em temperaturas muito altas, pois seu ponto de fusão é louvavelmente alto, 1710°C.

As válvulas de esfera de latão também resistem a materiais corrosivos para durar muito tempo. Em alguns casos, essas válvulas são revestidas. Uma válvula de latão com placa de níquel, por exemplo, resistirá melhor à corrosão do que quando exposta a materiais.

Válvulas de esfera de bronze

Um material comum em toda a história da humanidade, o bronze é uma liga feita principalmente pela mistura de cobre e estanho. Outros materiais, como níquel e manganês, também podem ser adicionados.

Assim como o latão, as válvulas de esfera de bronze têm seus prós e contras. Em especial, o material tem uma boa capacidade de resistir a materiais corrosivos. Essas válvulas também suportam altos níveis de cloro e podem ser usadas com uma variedade de meios.

Válvulas de esfera de latão versus bronze

A seção abaixo compara os dois tipos de válvulas, apontando como elas diferem em nove aspectos principais. Essas diferenças vão desde a composição do material e a processo de fabricação à resistência ao calor e à corrosão.

1. Composição do material

As válvulas de esfera de latão e bronze são todas feitas de materiais de liga. Entretanto, as composições das ligas são diferentes, e é isso que dá a cada válvula características distintas. O latão é principalmente zinco misturado com cobre. Por outro lado, o bronze é uma mistura de estanho e cobre e - na maioria das vezes - quantidades menores de fósforo, manganês, alumínio ou silício.

2. Técnicas de fabricação

Para fabricar válvulas de esfera de latão, são utilizadas diferentes tecnologias de fabricação que variam de fundição e forjamento para extrusão e trefilação a frio pode ser usado. Cada método tem suas vantagens e desvantagens. Assim, um fabricante de válvulas de esfera de latão decidirá sobre a técnica a ser usada com base no resultado necessário.

Uma válvula de esfera forjada em latão, por exemplo, oferece as vantagens da alta resistência e da capacidade de suportar pressão. Isso a torna mais adequada para aplicações de alta pressão. No caso das válvulas de bronze, somente a fundição pode ser usada.

3. Ductilidade

A especificação de ductilidade da válvula de esfera de latão é maior do que a do bronze. Isso facilita a modelagem por forjamento ou usinagem, além da capacidade de resistir a rachaduras. O bronze também é dúctil, mas menos do que o latão. Isso torna o material menos trabalhável durante a fabricação da válvula.

4. Resistência à corrosão

As características de resistência à corrosão da válvula de esfera de latão são melhores do que as das válvulas de bronze, o que a torna uma excelente opção em muitos ambientes. Mas altos níveis de cloro podem ser um problema para as válvulas de latão. Nessas situações, um revestimento especial da superfície de latão ajuda a evitar isso.

5. Resistência ao calor

Ambas as válvulas oferecem alta resistência ao calor. Isso significa que você pode usá-las com segurança em ambientes quentes. No entanto, as válvulas de esfera de latão resistem melhor ao calor do que as de bronze, devido à maior ponto de fusão do material, que atinge 1710°C em comparação com 1590°C do bronze. Uma válvula de latão se manterá melhor em condições quentes do que uma de bronze.

6. Níveis de chumbo

O latão contém níveis mais baixos de chumbo do que o bronze, o que o torna uma válvula mais segura para uso em aplicações de encanamento residencial. O uso de válvulas de latão para água potável é, portanto, mais recomendado, pois reduz o risco de lixiviação de chumbo na água e representa um risco à saúde.

7. Durabilidade

Quando comparados em termos de durabilidade, os dois tipos de válvulas geralmente duram muito tempo. Dependendo do método de fabricação, uma válvula de latão pode durar anos e durar mais que a de bronze, especialmente se for usada nas condições certas. As válvulas de bronze, por outro lado, são feitas de um material resistente que pode suportar uma ampla gama de condições de uso e mídia.

8. Usinabilidade

Devido à sua natureza macia, o latão é mais fácil de usinar ou cortar. O material de bronze, com sua superfície áspera, pode levar mais tempo para ser polido. Em geral, portanto, as válvulas de latão são mais fáceis de trabalhar e podem ser formadas usando várias técnicas diferentes. Isso oferece aos fabricantes uma gama de opções para atender às necessidades das aplicações.

9. Custo

O preço da válvula de esfera de latão é geralmente mais baixo do que o dos tipos de bronze. Mas esse não é o único fator quando se trata de custo. Outros fatores, como os preços do fabricante e a qualidade da válvula, também se aplicam, de modo que diferentes marcas de válvulas de bronze e latão custarão valores diferentes, assim como qualquer outro produto.

Válvulas de latão ou de bronze?

A questão de usar válvulas de latão ou bronze pode ser respondida com base nas propriedades discutidas dos materiais e nas características da válvula. Como vimos, o latão tem mais vantagens em várias situações.

  • As válvulas de esfera e as conexões de latão podem resistir à corrosão e durar muito tempo, além de outras vantagens, como baixos níveis de chumbo. Quando forjadas, essas válvulas são adequadas para aplicações de alta pressão. No entanto, o latão apresenta degradação em ambientes de alta pressão. níveis de cloroe pode não se adequar a essas condições, a menos que tenha um revestimento especial.
  • As válvulas de esfera de bronze, por outro lado, podem resistir perfeitamente à corrosão ou à degradação, mesmo em meios carregados de cloro. Mas essas válvulas não oferecem o mesmo nível de resistência à pressão ou ao calor que o latão, além de seu maior teor de chumbo torná-las inadequadas para o encanamento de água potável.

Em geral, recomenda-se o uso de válvulas de esfera de bronze e latão nessas aplicações:

Válvulas de esfera de latão

  • Água potável
  • Controle do fluxo de ar
  • Gás natural

Válvulas de esfera de bronze

  • Aplicações marítimas
  • Indústria petroquímica

Conclusão

Comparando as válvulas de esfera de latão com as de bronze, é possível observar muitas diferenças em sua lista. As válvulas de esfera de latão oferecem mais benefícios na maioria das situações, com sua vida útil mais longa e níveis mais baixos de chumbo. Em aplicações em que os níveis de cloro são altos, podem ser usadas válvulas de bronze ou válvulas de latão que tenham sido feitas especialmente para resistir à dezincificação.

Entre em contato conosco

Entre em contato conosco